terça-feira, 23 de junho de 2009

Tipo iraquiano...

Maldito seja quem inventou as bombinhas de São João. Sério, como alguém pode ter tido ideia tão idiota? Qual a função dessas bombinhas? Dar susto nas pessoas? Se for, esse objetivo já foi alcançado no mínimo umas 20 vezes essa noite, quatro enquanto escrevia esse primeiro parágrafo. Às vezes eu me sinto no Iraque.


Depois de crescer eu percebi o quanto eu era insuportável a cada São João. Qual a graça de ficar estourando bombinhas? Pior é quando nego resolve fazer um verdadeiro “tiroteio”, juntam as bombinhas e explode em sequência. Realmente me sinto no Iraque, Rio de Janeiro ou qualquer outro lugar que esteja em guerra.


Fora o barulho demasiado chato, ainda tem o cheiro insuportável de pólvora. A rua fica praticamente branca de tanta fumaça. São João não foi uma data feita para asmáticos. Não dá nem para ficar com a janela aberta.


Esse post, enfim, foi mais um desabafo. Nego gosta de barulho, fumaça e Iraque, não posso fazer nada, é a vida. Mas na moral, que é extremamente insuportável é. Deveria ter fone de ouvido para essas bombinhas, pelo menos eu não me assustava toda hora que alguém explodisse uma de mil.



Um comentário:

Sheltom Delano disse...

Concordo, mas não com a parte do cheiro de pólvora, eu gosto, :D


Mais um texto legal q me fez rir.

Parabéns!

(Y)